top of page
DD.png

O que é o MG

O nosso trabalho é criar inspiração e promover sonhos através de conteúdo de moda, imagem, beleza e negócios; conteúdos autênticos e cuidadosamente selecionados.

Por que fazemos

Através de nosso trabalho, criamos campanhas estratégicas com marcas que compartilhem os nossos valores. Hoje, com 23 anos de trabalho sendo que 13 são no on-line, temos como clientes e parceiros diversas empresas. tanto em Brasília quanto no Brasil. 

Como fazemos

Podemos comunicar a sua mensagem através de criação de conteúdo, com a exposição da sua marca em nossos canais, seja através de posts no blog ou em nossas mídias sociais.

Além disso, podemos oferecer uma mistura de ambas as soluções para efetivamente atingir seu público-alvo e contar a história da sua marca da forma mais adequada.

Soluções de Negócios

Leve o nosso conhecimento para a sua empresa ou sua marca, através de Palestras e Treinamentos Empresariais. 

Nossa Consultoria Empresarial é personalizada, e temos grupos VIP para um maior acompanhamento e direcionamento.

Flipiri- Festa Literária de Pirenópolis acontece de 27 a 29 de junho

 

De 27 a 29 de junho de 2024, o Centro Histórico de Pirenópolis recebe a programação cultural da 14ª edição da Flipiri. O Projeto Flipiri Itinerante, voltado para a comunidade educacional do município, acontecerá em agosto

 



A paixão e apreço pelos livros e a experiência incomparável da leitura estão sintetizados no tema da 14ª edição da Festa Literária de Pirenópolis - Flipiri: “Livro, meu primeiro amor”. Tradicionalmente, o evento homenageia uma personalidade ou instituição do mundo literário, e este ano as honras são dirigidas à professora doutora Goiandira Ortiz.  Ao longo de três dias, a comunidade e visitantes, envolvendo escritores, leitores, ilustradores, artistas e aficionados, poderão desfrutar, gratuitamente, de uma programação cultural composta de lançamentos de livros, saraus, oficinas, palestras, rodas de conversa, encontro de ilustradores, espetáculo teatral, contação de histórias, contação de causos e caminhada poética pela cidade. A aposta da mais tradicional e charmosa festa literária do Centro-Oeste é no poder transformador da palavra, bem como na expansão de horizontes políticos, econômicos, sociais e culturais através dos livros.

O desejo de entregar uma bonita festa, colocando luz sobre um tema que nos é tão caro—o livro e a leitura-- permanece genuíno e com o mesmo frescor dos primeiros tempos. É um trabalho que dura meses de preparação, mas, iniciada a festa, tudo é esquecido como uma mãe que começa a desejar um novo filho. Somos banhados por um espírito, que acho que é o da criação, que nos anima e nos enche de júbilo”, revela a escritora Iris Borges, idealizadora da Flipiri e vice-presidente do Instituto Cultural Casa de Autores (ICA), sediado na capital do país.  

Sobre o tema, Maurício Melo Júnior, curador literário da Flipiri e presidente do ICA explica: “Celebramos o livro em si, ressaltando a paixão verdadeira que nós e tantas pessoas temos por esse objeto meio mítico e tão afetivo, capaz de carregar conhecimento, mundos desconhecidos e histórias fascinantes em suas páginas. Histórias essas que ganham cores e nuances diversas quando encontram a imaginação do leitor”. Converge daí a escolha da homenageada, Goiandira Ortiz, que dedica sua vida às letras e ao incentivo à leitura. “Compartilhamos do mesmo amor e a Flipiri é o melhor cenário para contemplarmos este sentimento”, afirma.

A goiana Goiandira Ortiz estará presente no evento não para ser homenageada, simplesmente. Como é de seu feitio, compartilhará os conhecimentos adquiridos ao longo de sua carreira participando ativamente da programação. Além de ministrar a palestra “O livro da minha vida”, estará na mesa “Literatura Goiana”. Mestre em Letras e Linguística pela Universidade Federal de Goiás (UFG), doutora em Letras Vernáculas (Literatura Brasileira) pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), pós-doutora em Poesia Contemporânea pela Universidade de Lisboa, ela é professora aposentada da UFG. Com vasta experiência em teoria da lírica, crítica literária, poéticas da modernidade, lírica contemporânea brasileira e portuguesa, leitura, formação de leitor, ensino e vocalização de poesia, foi responsável pela criação do Comitê do Programa Nacional de Leitura (PROLER).

Fiquei surpresa quando fui comunicada sobre a homenagem. Afinal, nos eventos dessa natureza as homenagens são para quem faz literatura. Mas o Maurício me esclareceu que o tema é “Livro – meu primeiro amor”. Adorei e compreendi. Minha trajetória foi lidar com os livros, ensinar literatura, especialmente poesia. Falar sobre livros tem sido a minha vida, mas será uma grande dificuldade falar sobre o livro da minha vida, porque são muitos amores. Não saberei e nem posso escolher um. Quando se trata de amor pelo livro, a gente fala no plural: amores, sem problema de traição, adultério. Cada um ocupa uma parte do nosso coração. Assim, será uma honra estar na Flipiri abordando algo que me dá muito prazer e que fez a minha vida ser o que é hoje”, compartilha a homenageada.

Nesta edição, a curadoria aposta na pluralidade e numa atmosfera contemporânea para a festa do livro, da leitura e da literatura. Com o objetivo de promover a literatura independente e valorizar as expressões culturais que ajudam a fazer, desta, uma verdadeira celebração, a FLIPIRI reserva boa parte da programação a lançamentos de livros. Serão dezenas de títulos, sem falar nos que estarão à venda na livraria do evento.  

Além de Iris Borges, Maurício Melo Júnior e Goiandira Ortiz, vários escritores participam do evento com seus romances, poesias, prosas, biografias, livros técnicos, educativos, infanto-juvenis e até “causos”. Entre eles estão Liduína Bartholo, Clara Arreguy, Álvaro Modernell, Ana Neila Torquato, Rose Costa, Maria Amélia, Hozana Costa, Ana Gabriela, Débora Bianca, Alexandre Lobão, Taicy Ávila, Beto Seabra, Maria das Dores Brigagão, Ester Rodrigues de Oliveira e Márcia Lages, do Distrito Federal; Eraldo Miranda, de São Paulo; Theognis Florentino, do Ceará; Carlito Lima, de Alagoas. De Goiás, marcam presença Aline Lôbo, Fabiane Guimarães, Lenora de Castro Barbo, João Guilherme Curado e tantos escritores da APLAM. Para o encontro de ilustradores estão confirmados André Cerino, Roger Mello e Elder Galvão.

Aberta ao público, a Flipiri estende parte de sua programação ao mundo digital. Palestras e oficinas serão transmitidas via redes sociais e disponibilizadas na íntegra pelo canal do YouTube do evento.

Cenário

Assim como o conteúdo de sua programação, o cenário é um dos charmes da FLIPIRI. As atividades se concentrarão no Centro Histórico, em espaços como a Escola Estadual Comendador Joaquim Alves, o Centro de Arte e Música Ita e Alaor, a Tenda, os estabelecimentos Um Café e Bistrô e Quintal da Zazá e o Teatro Sebastião Pompêo de Pina. Este último, uma das joias arquitetônicas do Estado de Goiás, tombado pelo IPHAN, passou por uma grande revitalização e foi reinaugurado em 2023. A restauração manteve intacto o estilo e acrescentou modernidade ao prédio, no que se refere à acessibilidade e aparato tecnológico. É nele que acontece boa parte da programação.

Pirenópolis completa 300 anos em 2027 e uma das festas que faltavam para a nossa cidade era a festa literária. Então, em 2009 tivemos o privilégio de fazer a primeira Flipiri nesta grande sala de aula chamada Pirenópolis. O evento é uma oportunidade para todos, inclusive para os moradores dos povoados por meio da itinerância do evento, que este ano acontecerá no segundo semestre. Nossas crianças têm a oportunidade de conversar com os autores, com os professores e, principalmente, de ter acesso ao livro. Sem falar no fomento da economia local que durante o período da festa movimenta os nossos hotéis, restaurantes, lanchonetes. Enfim, todo o sistema turístico da cidade fica envolvido”, comemora o prefeito Nivaldo Melo.

Somam-se à programação do evento, as atrações da cidade reconhecida pelo turismo ecológico, valor histórico, conjunto arquitetônico e inúmeras opções gastronômicas. As temperaturas amenas do inverno tornam a experiência ainda mais convidativa, com a possibilidade de se circular, a pé, pelos espaços da Flipiri, comércio, museus, cafés, restaurantes e lojas.

Iris Borges comemora conquistas desta edição, como o retorno da Tenda instalada no Largo da Igreja Matriz de Nossa Senhora do Rosário, que aproxima ainda mais o evento da comunidade e turistas. Também estão de volta a Estação do Brincar e a Bebeteca, espaços afetivos e lúdicos para crianças bem pequenas. “Acreditamos que o amor pelos livros e pelas histórias pode ser despertado ainda nos primeiros anos de vida. Então, envolver os pequenos é fundamental”, assegura.

Flipiri itinerante

Com o objetivo principal alcançar a totalidade das escolas municipais de Pirenópolis a cada edição, em 2024 a FLIPIRI Itinerante acontecerá em 26 e 27 de agosto. Esta vertente do evento, que consiste no encontro do leitor com o autor nas escolas, tem na sua base o estímulo ao hábito da leitura com doação de livros e ações com a rede pública de ensino. O projeto é realizado com o apoio da Secretaria de Educação de Pirenópolis e envolve alunos, professores e autores em dinâmicas literárias. As informações sobre a FLIPIRI Itinerante serão divulgadas a partir do início de agosto.

Histórico

Foi através de uma participação na FLIP- Festa Literária de Paraty- que a professora, escritora, psicóloga, contadora de histórias e livreira Iris Borges começou a sonhar com o que viria ser a Flipiri. Encantou-se com o centro histórico povoado de escritores, personagens, tendas com livros e quintais poéticos da cidade fluminense e percebeu o quanto Pirenópolis convidava a uma experiência semelhante. “Fiz um projeto com a produtora de eventos Marta Aguiar que o apresentou aos Correios e foi aprovado. Quando levamos a ideia ao recém-empossado prefeito Nivaldo de Melo, ele abraçou a causa com entusiasmo e a magia acontece desde então”.

Cidade amiga de diversas manifestações culturais, com um folclore muito forte, Pirenópolis se apresentava como cenário perfeito para destacar e desenvolver a literatura e leitura em meio a sua atmosfera de charme, história e estrutura turística. Do desejo, incentivo e da colaboração de várias pessoas, em 2009 nasceu a Flipiri, realizada pelo Instituto Cultural Casa de Autores.

Prestes a realizar a 14ª edição, a Festa Literária contou com a participação de centenas de escritores e milhares de visitantes ao longo dos anos e doou mais de 15 mil livros à rede pública de ensino da cidade.

Percorrendo vários estilos e momentos da literatura contemporânea brasileira, sempre refletindo a temática de cada edição, foram homenageadas personalidades como Ignácio de Loyola BrandãoZiraldo, Cora CoralinaGuido HelenoRoseana MurrayLuís Fernando VeríssimoElder Rocha LimaJosé J. VeigaEli BrasilienseBernardo ÉlisFleury de Campos CuradoCarmo Bernardes e Adriano César Curado, entre outros.   


A Flipiri é realizada pelo Instituto Cultural Casa de Autores e pela Secretaria de Educação de Pirenópolis. Conta com apoio institucional da Secretaria de Estado da Educação do Governo do Estado de Goiás, apoio da Universidade Federal de Goiás, Colégio Tecnológico do Estado de Goiás, Goiás Social, Secretaria de Estado da Retomada e Saneago; parceria do resort Villa do Comendador, Um Café Bistrô e Quintal da Zazá e transmissão da CSL – Tecnologia, Design e Web. 


FLIPIRI 2024 - PROGRAMAÇÃO CULTURAL

27/06 | Quinta Feira

15h30 às 16h30 | Local: Teatro Sebastião Pompêo de Pina (Auditório)

Sarau com Colégio Estadual Senhor do Bonfim

 

Das 17h às 18h30 | Local: Teatro Sebastião Pompêo de Pina (Auditório)

- Apresentação Maracatu, com Projeto Arte e Educação do Colégio Estadual Senhor do Bonfim 

- Sarau de Histórias Barianianas

- Lançamentos do Ebook do Concurso Literário de Redação Bariani Ortêncio

Das 20h às 20h30 | Local: Teatro Sebastião Pompêo de Pina (Auditório)Cerimônia de Abertura com Autoridades e Convidados

Das 20h30 às 21h30 | Local: Teatro Sebastião Pompêo de Pina (Auditório)

Palestra: "O Livro da Minha Vida" com Dra. Goiandira Ortiz (homenageada)

Das 21h às 23h | Local: Um Café e Bistrô

Sarau Lua Crescente de Poesia

 

28/06 | Sexta-Feira

Das 9h às 11h | Local: Tenda (Palco) | Largo da Igreja de Nossa Senhora do Rosário

Estação do Brincar com Rose Costa

 

Das 10h30 às 11h | Local: Centro de Artes e Música Ita e Alaor (Sala Bebeteca)

Público: 10 bebês e crianças bem pequenas acompanhadas de um responsável

Contação de histórias para bebês com Iris Borges

 

Das 14h às 14h30 | Local: Tenda (Entrada) | Largo da Igreja de Nossa Senhora do Rosário

Concentração do Cortejo

 

Das 15h às 16h | Local: Tenda (Entrada) | Largo da Igreja de Nossa Senhora do Rosário

Cortejo: Ida ao Coreto e Volta à Tenda

Das 15h às 15h30 | Local: Centro de Artes e Música Ita e Alaor (Sala Bebeteca)

Público: 10 bebês e crianças bem pequenas acompanhadas de um responsável

Contação de histórias, brincadeiras e canções com Débora Bianca

Das 17h às 18h | Local: Centro de Artes e Música Ita e Alaor (Palco)

Mesa: COLEÇÃO + 300 com Aline Lobo, Lenora de Castro Barbo

Mediador: Beto Seabra

 

Das 17h às 18h | Local: Tenda (Palco) | Largo da Igreja de Nossa Senhora do Rosário·

Espetáculo - Teatro Infantil com a SANEAGO

Das 19h às 21h | Local: Teatro Sebastião Pompêo de Pina (Auditório)

Espetáculo PRETURA com GET (Grupo Experimental de Teatro) da Trupe dos Cirandeiros/GO      


Das 21h às 23h | Local: Quintal da Zazá

Sarau Barulhinho no Quintal

 

29/06 | Sábado

Das 09h às 10h | Local: Centro de Artes e Música Ita e Alaor (Sala Bebeteca)

Público: 10 bebês e crianças bem pequenas acompanhadas de um responsável

Leitura, Brincadeiras e Canções com Grupo Tricontando: Ana Neila Torquato, Rose Costa e Hozana Costa

 

Das 09h às 11h | Local: Tenda (Entrada) | Largo da Igreja de Nossa Senhora do Rosário

Walking Tour (Caminhada aos pontos turísticos) com Iris Borges e Sérgio Pompêo

Das 10h às 12h | Local: Centro de Artes e Música Ita e Alaor (Sala Bebeteca)

Palestra: “Quem sou eu depois daquele livro?” com Andréia Costa Cardoso de Mattos e Ester Rodrigues de Oliveira

         

Das 10h às 12h | Local: Teatro Sebastião Pompêo de Pina (Auditório)

Mesa/Oficina: Encontro de Ilustradores com André Cerino, Elder Galvão e Roger Mello | Mediadora: Maria Amélia

Das 10h às 13h | Local: Tenda (Stand) | Largo da Igreja de Nossa Senhora do Rosário

Lançamento de Livros: Instituto Casa de Autores e autores independentes

Das 10h30 às 11h | Local: Centro de Artes e Música Ita e Alaor (Sala Bebeteca)

Público: 10 bebês e crianças bem pequenas acompanhadas de um responsável

Contação de histórias com Ana Neila Torquato

Das 11h às 12h | Local: Tenda (Palco) | Largo da Igreja de Nossa Senhora do Rosário·

Uns CAUSOS com Eraldo Miranda e Theognis Fiorentino

Das 14h30 às 15h30 | Local: Centro de Artes e Música Ita e Alaor (Palco)·

Roda de conversa: “Como ser uma mãe/um pai/uma avó com mais força para ensinar a gostar de ler?”, com Márcia Lages

Das 14h30 às 15h30 | Local: Teatro Sebastião Pompêo de Pina (Auditório)

Mesa: “Literatura Goiana” com Goiandira Ortiz, Maurício Melo Júnior | Mediadora: Clara Arreguy

 

Das 15h às 17h | Local: Escola Estadual Comendador Joaquim Alves·

- Oficina: A literatura e suas múltiplas possibilidades com Álvaro Modernell

- Oficina: A Fantástica Matemática com Maria das Dores Brigagão

- Oficina: Leitura para a Cultura de Paz com Débora Bianca

- Oficina: Mediação de Leitura com Taicy Ávila

Das 15h30 às 16h30 | Local: Tenda (Palco) | Largo da Igreja de Nossa Senhora do Rosário·

Espetáculo: “As Quatro Estações com Turma do Caracol” com Maria Amélia e André Cerino

 

Das 16h às 17h | Local: Teatro Sebastião Pompêo de Pina (Auditório)

Mesa: A idade da escrita com Carlito Lima e Fabiane Guimarães | Mediador: Maurício Melo

 

Das 16h30 às 17h | Local: Centro de Artes e Música Ita e Alaor (Sala Bebeteca)

Público: 10 bebês e crianças bem pequenas acompanhadas de um responsável

Contação de histórias com Hozana Costa

Das 17h às 19h | Local: Tenda (Palco) | Largo da Igreja de Nossa Senhora do Rosário

Show de Talentos

Das 17h30 às 19h | Local: Teatro Sebastião Pompêo de Pina (Auditório)

Mesa de debates: O livro da minha vida com Alexandre Lobão, Álvaro Modernell, Ana Gabriela e Débora Bianca

Mediadora: Iris Borges

Das 20h às 20h30 | Local: Teatro Sebastião Pompêo de Pina (Auditório)

Cerimônia de Encerramento com Autoridades e Convidados

Das 20h30 às 21h30 | Local: Teatro Sebastião Pompêo de Pina (Auditório) O Agora da Memória - Sarau 30 anos da Academia Pirenopolina de Letras, Artes e Música com membros APLAM

 


SERVIÇO:

Festa Literária de Pirenópolis – FLIPIRI

Programação cultural: de 27 a 29 de junho de 2024

Itinerância: de 27 a 28 de junho

Centro Histórico de Pirenópolis/Goiás

Entrada Franca

Site/programação: flipiri.com

Instagam: @flipiri­_


3 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page