top of page
DD.png

O que é o MG

O nosso trabalho é criar inspiração e promover sonhos através de conteúdo de moda, imagem, beleza e negócios; conteúdos autênticos e cuidadosamente selecionados.

Por que fazemos

Através de nosso trabalho, criamos campanhas estratégicas com marcas que compartilhem os nossos valores. Hoje, com 23 anos de trabalho sendo que 13 são no on-line, temos como clientes e parceiros diversas empresas. tanto em Brasília quanto no Brasil. 

Como fazemos

Podemos comunicar a sua mensagem através de criação de conteúdo, com a exposição da sua marca em nossos canais, seja através de posts no blog ou em nossas mídias sociais.

Além disso, podemos oferecer uma mistura de ambas as soluções para efetivamente atingir seu público-alvo e contar a história da sua marca da forma mais adequada.

Soluções de Negócios

Leve o nosso conhecimento para a sua empresa ou sua marca, através de Palestras e Treinamentos Empresariais. 

Nossa Consultoria Empresarial é personalizada, e temos grupos VIP para um maior acompanhamento e direcionamento.

17º Salão do Artesanato- de 08 a 12 de maio em Brasília



Com  temática “Artesanato, a mãe de todas as artes”, evento reunirá o melhor da produção artesanal do Distrito Federal e de 23 estados brasileiros

 

O 17º Salão do Artesanato, que acontecerá de 08 a 12 de maio, em Brasília, abre o calendário oficial de 2024 de feiras brasileiras de artesanato. Realizado pela Rome Eventos  no varandão do shopping Pátio Brasil e aberto ao público, reunirá em mais de 5 mil o melhor desta rica manifestação da cultura brasileira e expoente da economia criativa, em uma iniciativa que privilegia a acessibilidade, inclusão social e sustentabilidade. Com a última edição realizada em novembro de 2023, o Salão retorna à data tradicional, coincidindo com a semana do Dia das Mães, o que inspira a campanha “Artesanato: a Mãe de todas as Artes”. “Nossa expectativa é receber cerca 60 mil pessoas e contribuir para que os artesãos, presentes ou representados no Salão através de cooperativas, coletivos e associações façam os melhores negócios. O clima é de lazer para toda família, com oportunidade de compras diferenciadas, atrações musicais e valorização desta jóia que é o nosso artesanato”, afirma Rômulo Mendonça, diretor-geral da Rome Eventos. 

No dia  07 de maio, no lançamento oficial do Salão,  em uma noite voltada para o corpo diplomático,  acontecerá a 1ª Mostra do Artesanato Brasileiro – Além das Fronteiras, promovida pelo Programa do Artesanato Brasileiro (PAB), vinculado ao Ministério do Empreendedorismo, da Microempresa e da Empresa de Pequeno Porte (MEMP). "Quando criou o ministério, o presidente Lula pediu para que déssemos uma atenção especial ao setor. Milhões de brasileiras e brasileiros vivem do artesanato, um trabalho que é a expressão da cultura brasileira. Cada vez mais vamos apoiar e realizar feiras por todo o Brasil e expandir, também, para o exterior. O Salão do Artesanato de Brasília já está bem consolidado no calendário e é uma oportunidade de trazermos artesãos de todo o país”,  assegura Márcio França, ministro do MEMP. Outro destaque será a participação do estilista goiano Theo Alexandre, à frente da grife Thear, com a coleção Elementos, a mesma que encantou a última edição da São Paulo Fashion Week, com uma bela homenagem ao Cerrado.

Apoiador de primeira hora do Salão do Artesanato, o PAB terá uma atuação ainda mais abrangente nesta 17ª edição. Este ano serão 23 estados, mais o Distrito Federal, contemplando todas as regiões do país. Outro parceiro fundamental é o Sebrae DF, que subsidia a participação de artesãos de todo o Brasil. Imprescindíveis para o desenvolvimento do segmento, a Confederação Brasileira de Artesãos (Conart) e a Confederação Nacional do Artesãos do Brasil (Cnarts) também estarão presentes, expondo e comercializando a arte de vários artesãos e prestando atendimento e informações aos participantes do evento.

De 08 a 12  de maio, ao longo do evento, o público terá acesso ao talento de artesãos e mestres-artesãos que desenvolvem seus trabalhos a partir de tipologias como cerâmica, madeira, fios, capim, palha, metal, rendas, bordados e tantas outras. No total, serão cerca de 80 mil peças, desde as menores, como acessórios e utensílios, até as maiores, como esculturas, utilitários, objetos de decoração e móveis. A moda, com a exclusividade que só um produto feito a mão pode ter, também é presença garantida nos

estandes. Enfim, uma festa para quem busca para si, ou para presentear, uma peça especial. Mas que, independentemente do consumo, vale a visita pela relevância cultural de uma verdadeira galeria artística.  

Além de comporem a ala do PAB, Distrito Federal, através da Secretaria de Turismo do DF; Minas Gerais, com o apoio da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, e Goiás, por meio da Secretaria da Retomada do Estado de Goiás, terão visibilidade destacada no maior evento do Centro-Oeste e um dos maiores do Brasil voltados para a categoria. “O Salão do Artesanato é uma grande oportunidade para os artesãos apresentarem suas técnicas, comercializarem seus produtos e gerarem emprego e renda. A cultura e as histórias são representadas por esses artistas por meio de seu trabalho. O GDF vem buscando cada vez mais valorizar e apoiar o artesanato de nossa Capital”, afirma Cristiano Araújo, secretário de Turismo Cristiano Araújo.

Tanto nacionalmente quanto regionalmente, ficamos felizes em notar o quanto vem crescendo o apoio institucional à atividade artesanal do país, o que comprova o potencial desse importantíssimo segmento cultural, artístico e econômico e desses genuínos artistas brasileiros”, afirma Leda Simone, diretora-executiva da Rome Eventos.

OFICINAS

Além das compras de peças exclusivas que só os artesãos podem criar, o público poderá se beneficiar da programação de oficinas gratuitas, mediante inscrição prévia no site do evento. De pessoas que já trabalham com artesanato, passando por quem pretende desenvolver alguma habilidade visando a empreender no ramo, até crianças que aprenderão mais sobre a importância do artesanato como expoente da cultura brasileira, todos são bem vindos.

Ao longo da manhã e da tarde serão ministradas as seguintes oficinas: tapeçaria de Lagoa do Carro, com Isabel (PE); cumbucas, com Rosane Stuckert (DF); pontos básicos do bordados para iniciantes, com Maria de Lourdes Rosa (MG); iniciação à escultura em argila, com Rafael Pederneiras e Igor Antunes Bessa (DF); modelagem em argila para iniciantes, com Andréia Porto; introdução à pintura em porcelana, com Adele Rossi e Marcela Campos (DF) e casinha em cerâmica, com João Manoel (DF).

ÁREA DOS MESTRES ARTESÃOS

Este ano, mestres artesãos do Acre, Ceará, Espírito Santo,  Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Paraíba, Piauí, Rio de Janeiro,  Rio Grande do Norte, Sergipe  e Tocantins serão destaques no evento. Mais que uma referência e um talento reconhecido, o mestre artesão é aquele que se notabiliza em seus ofícios, tendo conquistado a legitimidade de repassar adiante os conhecimentos, técnicas e expertise relacionados ao artesanato. Seu conhecimento é fundamental para a manutenção dos saberes artesanais, e a garantia de que eles chegarão às próximas gerações. Por esse motivo, o Salão do Artesanato, tradicionalmente, dedica aos mestres artesão um espaço nobre onde eles demonstram suas habilidades, abordam suas carreiras, comercializam suas obras e tiram as dúvidas do público.

RODADA DE NEGÓCIOS

Ao longo do evento, lojistas e artesãos poderão se beneficiar da Rodada de Negócios. O objetivo é promover contatos entre fornecedores de todo o país, de forma eficiente e organizada, com conforto e estrutura. A expectativa é receber mais de 30 lojistas do DF e de outros estados, impulsionando vendas durante o evento e fomentando negócios futuros. As inscrições podem ser feitas através dos links Expositores e Lojistas.

ECONOMIA

A organização do evento prevê negócios da ordem de, aproximadamente, R$4 milhões, entre vendas no local e negócios futuros, dando vazão à produção artesanal nacional. O segmento de artesanato do país congrega mais de 96 mil inscritos na base nacional do PAB, mas é muito mais numeroso. Dados do Sebrae dão conta de cerca de 8,5 milhões de artesãos atuantes no Brasil, o que representa 3% do PIB nacional, movimentando cerca de 50 bilhões por ano.

Além da geração de emprego (cerca de 4 mil entre diretos e indiretos), para a realização do evento são contratadas mais de 30 empresas prestadoras de serviços para a produção, há mobilização da rede hoteleira e de bares e restaurantes da cidade com a presença de artesãos de todo o país, movimentando toda a cadeia produtiva do turismo.

SUSTENTABILIDADE E INCLUSÃO SOCIAL

Em 2024 o Salão do Artesanato assume uma agenda mais forte na área de sustentabilidade e inclusão social, alinhando-se às boas práticas da Governança Ambiental, Social e Corporativa (ESG).  Com a elaboração da Declaração de Propósitos e Compromissos de Sustentabilidade, traçou estratégias para atendimento especial a pessoas com deficiências; adoção de modelo de gerenciamento seletivo de resíduos para proporcionar destino correto a rejeitos, recicláveis e orgânicos; campanha de educação para a sustentabilidade na rede social do evento; inclusão socioprodutiva nas contratações das equipes de produção e qualificação da cadeia produtiva envolvida com o evento.

SOBRE O SALÃO DO ARTESANATO

O Salão do Artesanato acontece em Brasília desde 2008, com 16 edições realizadas na capital do país e duas em São Paulo, está entre os maiores eventos de artesanato do país. A cada ano são expostas peças artesanais produzidas nos quatro cantos do país. O evento conta com parcerias importantes como do Programa do Artesanato Brasileiro – PAB/Ministério do Empreendedorismo, da Microempresa e da Empresa de Pequeno Porte, Secretaria de Turismo do Distrito Federal e Sebrae DF.

 

Serviço:


17º Salão do Artesanato

Shopping Pátio Brasil

De 08 a 12 de maio

Das 10h às 22h (de quarta a sábado)

Das 10h às 20h (domingo)

Entrada franca


3 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page